6 mins read

O que foi a expansão ultramarina?

O que é uma expansão ultramarina?

Expansão Ultramarina. As primeiras grandes navegações permitiram a superação das barreiras comerciais da Idade Média, o desenvolvimento da economia mercantil e o fortalecimento da burguesia. A necessidade do europeu lançar-se ao mar resultou de uma série de fatores sociais, políticos, econômicos e tecnológicos.
Em cacheSemelhantes

O que foi a expansão marítima resposta?

O que foi a Expansão Maritima

Expansão Marítima é o nome dado ao fenômeno ocorrido entre os séculos XV e XVII, quando inúmeras expedições partiram das grandes potências européias na busca por alcançar as terras no Extremo Oriente.
Em cache

Como foi a expansão marítima?

Contexto histórico da expansão marítima

O processo de navegação se expandiu quando a Idade Média estava em crise. As bases do feudalismo estavam abaladas principalmente devido à fome generalizada que ocorria em toda a Europa, à pandemia de peste negra que dizimou grande parte da população e às guerras e cruzadas.

Quais foram as consequências da expansão ultramarina?

– Aumentou e dinamizou as relações econômicas internacionais, principalmente entre Europa e Ásia e Europa e América. – Aumentou as regiões conquistadas e controladas pelos europeus, principalmente na África, Ásia e América. Ou seja, o sistema colonial (português e espanhol) passou a funcionar em grande escala.

O que causou a expansão ultramarina?

centralização política dos reinos absolutistas; aliança política entre os reis e a burguesia mercantil interessada na lucratividade da expansão ultramarina; divulgação da fé cristã para povos de outros territórios; aperfeiçoamento das técnicas navais.

Qual o objetivo português com a expansão ultramarina?

A burguesia portuguesa, buscando se livrar dos altos preços cobrados por esses intermediários e almejando maiores lucros, tentaram consolidar novas rotas marítimas que fizessem o contato direto com os comerciantes orientais.

Qual foi a causa da expansão marítima?

Expansão Marítima – Definição e Fatores

Aconteceu em uma época de queda do feudalismo e crescimento do capitalismo. Entre os principais fatores estavam o monopólio comercial das cidades italianas no mediterrâneo, crescimento da burguesia e do consumo e formação das monarquias nacionais.

Quem iniciou a expansão marítima?

A expansão marítima portuguesa foi a primeira de toda a Europa. Para os portugueses, a navegação foi a forma encontrada para comercializar com diferentes partes do mundo. Os portugueses foram os primeiros europeus a se lançar ao mar no período das Grandes Navegações Marítimas, nos séculos XV e XVI.

Qual foi a importância da expansão marítima?

Nesse contexto, a expansão marítima europeia teve como finalidade principal a superação da crise econômica dos séculos XIV e XV e o desenvolvimento da economia mercantil com a conquista de novos mercados.

Quais foram as conquistas ultramarinas?

O desenvolvimento da cartografia; que possibilitou a elaboração de mapas mais exatos, os estudos de astronomia, o aperfeiçoamento das embarcações; surgindo a caravela com velas triangulares. Os navegadores passaram a utilizar a bússola e o astrolábio que determinava a latitude e a longitude.

Quais são as principais características da expansão marítima?

Expansão Marítima – Definição e Fatores

Aconteceu em uma época de queda do feudalismo e crescimento do capitalismo. Entre os principais fatores estavam o monopólio comercial das cidades italianas no mediterrâneo, crescimento da burguesia e do consumo e formação das monarquias nacionais.

Qual era o objetivo das Grandes Navegações portuguesas?

Durante os séculos XV e XVI, os europeus, principalmente portugueses e espanhóis, lançaram-se nos oceanos Pacífico, Índico e Atlântico com dois objetivos principais: descobrir uma nova rota marítima para as Índias e encontrar novas terras.

Quais foram os fatores que motivaram a expansão marítima?

Expansão Marítima – Definição e Fatores

Aconteceu em uma época de queda do feudalismo e crescimento do capitalismo. Entre os principais fatores estavam o monopólio comercial das cidades italianas no mediterrâneo, crescimento da burguesia e do consumo e formação das monarquias nacionais.

Por que a expansão marítima foi importante para a Europa?

Essa nova realidade fez com que os governos buscassem alternativas para o desenvolvimento da economia. Nesse contexto, a expansão marítima europeia teve como finalidade principal a superação da crise econômica dos séculos XIV e XV e o desenvolvimento da economia mercantil com a conquista de novos mercados.

Quais foram os países que participaram da expansão marítima?

Na expansão europeia, a partir do século XV, encontramos na história, o pioneirismo das nações ibéricas, Portugal e Espanha, ambas, foram as primeiras nações a lançarem-se nas Grandes Navegações. Suas nobrezas, estavam fortalecidas e conseguiram financiar o projeto de expansão marítima.

Quais foram os principais países envolvidos na expansão marítima?

A partir do século XV, sob a liderança de portugueses e espanhóis, os europeus começam um processo de intensa globalização, a chamada Expansão Marítima.

Qual foi o país pioneiro na expansão marítima?

Portugal

Portugal foi o pioneiro na realização de grandes viagens marítimas. Voltado para o Atlântico e sem possibilidade de expandir-se dentro da Península Ibérica, os portugueses preferiram aventurar-se no Mar Oceano.

Qual é o principal objetivo das Grandes Navegações?

Expansão territorial e fundação de colônias; Estabelecer rotas comerciais marítimas; Encontrar fontes de recursos naturais, principalmente ouro e prata; Lucrar com o comércio de escravos (século XVI em diante).